JORNALISMO NEWS  Publicidade 1200x90
17/12/2021 às 11h42min - Atualizada em 17/12/2021 às 11h42min

Inimigo de Maria: Pastor chama Nossa Senhora da Conceição de 'demônio' é denunciado pela vereadora de Recife Liana Cirne

"Com seus ataques, o senhor Aijalon desrespeita nossa Fé e o direito à liberdade de culto e crença, assegurado pela Constituição Federal", disse a parlamentar petista

Portal da Prefeitura

A vereadora do Recife, Liana Cirne (PT), apresentou na quinta-feira, 16 de dezembro, uma representação criminal por intolerância religiosa contra o pastor Aijalon Berto. Durante as festividades de Nossa Senhora do Conceição, celebradas no último dia 8 de dezembro, em suas redes sociais, o pastor disse que “boa parte dos recifenses, hoje prestaram homenagem a um DEMÔNIO”, atacando a Igreja Católica e os fiéis que compareceram à Festa do Morro.

Em sua postagem, o pastor Aijalon Berto afirma que a Festa do Morro é uma homenagem ao demônio e atribui a violência e a desigualdade social no Estado à Nossa Senhora da Conceição e à fé dos católicos. “Com seus ataques, o senhor Aijalon desrespeita nossa Fé e o direito à liberdade de culto e crença, assegurado pela Constituição Federal”, explicou a parlamentar petista.

“Não é a primeira vez que o pastor ataca fiéis de outras religiões. Desta vez foi nossa Igreja Católica, mas ele também já foi intolerante com as religiões de matriz africana. Em julho, apresentamos representação contra o mesmo pastor por uma série de ataques à intervenção artística ‘Do Orun ao Aiye: Afrika Elementar’, no Túnel da Abolição da Benfica”, lembrou.

Leia mais:
>>> Vereadora do Recife, Liana Cirne (PT), sobe o morro de joelhos e paga promessa por libertação de Lula feita à Nossa Senhora da Conceição

Na ocasião, a intervenção artística foi denominada por Aijalon Berto como portal em reverência a demônios ancestrais e geracionais.

A vereadora, que subiu o Morro da Conceição de joelhos na madrugada do último dia 8, para pagar uma promessa, disse que era “Inadmissível que, em pleno século 21, ainda estejamos assistindo a cenas de intolerância e perseguição religiosa como essas. O Brasil é um Estado laico e garantir a liberdade religiosa é um dever de qualquer parlamentar.”

Da redação do Portal com informações da Assessoria da vereadora Liana Cirne


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »